Ensino de História, Cultura Digital e Novas Tecnologias de Informação

um relato de experiência no Instituto Federal de São Paulo, Câmpus Capivari

Autores

  • Rafaela Cristina Zuin da Rocha Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo – IFSP, Capivari, SP, Brasil.
  • Prof. Dr. Felipe de Paula Góis Vieira Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo – IFSP, Capivari, SP, Brasil.

Palavras-chave:

Cultura Digital, Ensino de História, Tecnologia, Educação

Resumo

O artigo apresenta as premissas teóricas e um breve relato do(a) estudante bolsista do projeto de pesquisa “Em defesa da História: o uso de novas tecnologias digitais de informação para produzir, ensinar e divulgar conhecimento histórico”, realizado entre março e novembro de 2021, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo, campus Capivari. A pesquisa abordou debates sobre currículo de história, políticas do esquecimento, cultura digital e o ensino de história e cultura afro-brasileira e africana. Com foco na identificação de um processo de apagamento e exclusão de personagens negros da história do Brasil, particularmente mulheres negras, o objetivo central foi refletir sobre o potencial impacto dos recursos digitais no ambiente escolar, criando formas de interação e debate e um novo sentido para o passado, com a finalidade de promover uma educação antirracista. 

Referências

ABREU, Marcelo; RANGEL, Marcelo. Memória, Cultura histórica e Ensino de História no mundo contemporâneo. In: História e Cultura, Franca, v. 4, n. 2, p. 7-24, set. 2015.

BAUER, Carolina Silveira; NICOLAZZI, Fernando. O historiador e o falsário: usos públicos do passado e alguns marcos da cultura histórica contemporânea. IN: Varia História, Belo Horizonte, vol. 32, n. 60, p. 807-835.

BITTENCOURT, Circe. Ensino de História: fundamentos e métodos. São Paulo: Cortez, 2018.

CARVALHO, Bruno Leal Pastor de; TEIXEIRA, Ana Paula Tavares (editores). História pública e divulgação de história. São Paulo: Letra e Voz, 2019.

DÁVILA, Jerry. Diploma de brancura: política social e racial no Brasil (1917-1945). Trad. Claudia Sant'Ana Martins. São Paulo: Editora Unesp, 2006.

FERREIRA, Marieta de Moraes; OLIVEIRA, Margarida Maria Dias de (orgs.). Dicionário de ensino de história. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2019.

FERREIRA, Marieta de Moraes. A história como ofício: a constituição de um campo disciplinar. Rio de Janeiro: Ed. FGV, 2013.

GOODSON, Ivor F. (1994). Studying curriculum. Cases and methods. New York and London: Teachers College, Columbia University.

GOODSON, Ivor F. (1995). Currículo. Teoria e história. Petrópolis: Vozes. Goodson, Ivor F. (1997a). A construção social do currículo. Lisboa: Educa.

GOODSON, Ivor F. (1997b). The changing curriculum. Studies in social construction. New York: Peter Lang. Goodson, Ivor F. (2001). O currículo em mudança. Estudos na construção social do currículo. Porto: Porto Editora.

MAUAD, Ana Maria; SANTHIAGO, Ricardo; BORGES, Viviane Trindade (orgs.). Que história pública queremos? São Paulo: Letra e Voz, 2018.

MAUAD, Ana Maria; ALMEIDA, Juniele Rabêlo de; SANTHIAGO, Ricardo (orgs.). História Pública no Brasil: sentidos e itinerários. São Paulo: Letra e Voz, 2016.

MONTEIRO, Ana Maria; GASPARELLO, Arlette Medeiros; MAGALHÃES, Marcelo de Souza. Ensino de História: sujeitos, saberes e práticas. (orgs.). Rio de Janeiro: Mauad X: FAPERJ, 2007.

PINSKY, Jaime (org.). O ensino de história e a criação do fato. São Paulo: Contexto, 2018.

POPKEWITZ, Thomas S. (Ed.) (1987). The formation of school subjects. The struggle for creating an American institution. New York, Philadelphia and London: The Falmer Press.

POPKEWITZ, Thomas S. (1998). Struggling for the soul. The politics of schooling and the construction of the teacher. New York and London: Teachers College, Columbia University.

SILVA, Tomaz Tadeu (1996). Identidades terminais. As transformações na política da pedagogia e na pedagogia da política. Petrópolis: Vozes.

VALENTINI, Aline de Alcântara. História e cultura indígena nas licenciaturas em História: USP, UNESP/FCL-Assis, UNICAMP e PUC-SP. 2016. 279 f. Tese (Doutorado em Educação: História, Política, Sociedade) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política, Sociedade. Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2016.

Downloads

Publicado

11/21/2022

Como Citar

ZUIN DA ROCHA, R. C.; DE PAULA GÓIS VIEIRA, F. Ensino de História, Cultura Digital e Novas Tecnologias de Informação: um relato de experiência no Instituto Federal de São Paulo, Câmpus Capivari. Revista Ciência em Evidência , [S. l.], v. 3, n. 2, p. e022006, 2022. Disponível em: https://ojs.ifsp.edu.br/index.php/cienciaevidencia/article/view/2048. Acesso em: 26 nov. 2022.