Por um Exercício de Aprendizagem Colaborativa entre Pares

Da Potência Dialógica às Reflexões Produtivas no Contexto das Aulas na Pós-Graduação

Autores

  • Gabriel Silva Xavier Nascimento Instituto Federal de São Paulo (IFSP)
  • Marcel de Assis Roque Instituto Federal de São Paulo (IFSP)
  • Daniel Ramos de Souza Instituto Federal de São Paulo (IFSP)

Palavras-chave:

PCCol, colaboração crítica, didática

Resumo

Este trabalho traz reflexões e análises sobre a Pesquisa de Crítica de Colaboração, PCCol e as nuances que a permeiam partindo de um relato de experiência ocorrida em uma disciplina homônima ofertada no programa de Pós-graduação em Educação e Saúde na Infância e Adolescência da Unifesp. Como recorte de dados, empregamos fragmentos de interações entre discentes em atividades propostas com questões abertas e apresentação de banners com reflexões à luz de alguns pressupostos da Teoria-Histórico Cultural. Os recortes apresentados bem como a organização didática da disciplina nos permitem evidenciar o potencial da PCCol não somente como possibilidade metodológica como também base para uma organização didática pautada na dialogia e na colaboração como formas de construção coletiva de conhecimentos.

Towards a Collaborative Peer Learning Exercise: From Dialogic Power to Productive Reflections in the Context of Graduate Classes

Abstract

This paper brings reflections and analysis on Critical Collaborative Research, CCR and the nuances that permeate it from an experience report occurred in a homonymous course offered in the postgraduate program of Education and Health in Childhood and Adolescence of Unifesp. As data cutout, we used fragments of interactions between students in activities organized with open questions and presentation of banners with reflections in the light of some assumptions of the Cultural-Historical Theory. The presented data as well as the didactic organization of the course allow us to highlight the potential of CCR not only as a methodological possibility but also as a structure for a didactic organization based on dialogue and collaboration as forms of collective construction of knowledge.

Keywords: PCCol, critical collaboration, didactics

Biografia do Autor

Gabriel Silva Xavier Nascimento, Instituto Federal de São Paulo (IFSP)

Mestrado em Educação
Universidade Federal do Espírito Santo (UFES)

Marcel de Assis Roque, Instituto Federal de São Paulo (IFSP)

Mestrado em Educação
Centro Universitário Salesiano São Paulo (UNISAL)

Daniel Ramos de Souza, Instituto Federal de São Paulo (IFSP)

Especialização em Saúde Mental e Atenção Psicossocial
Centro Universitário Herminio Ometto (UNIARARAS)

Referências

Fullan, M. G. (1993). Why teachers must become change agents. Educational Leadership, 50(12).

Gutiérrez, K. D. et al. (1999). Building a culture of collaboration through hybrid language practices. Theory into Practice, 38(2), 87-93. doi 10.1080/00405849909543837

Jones, P. E., & Magalhães, M. C. C. (2020). Marx, Vygotsky e Freire: Discussões metodológicas sobre o papel da linguagem na transformação social. DELTA: Documentação de Estudos em Lingüística Teórica e Aplicada, 36.

Leontiev, A. N. (1978). Atividade, consciência e personalidade. Ciencias del Hombre.

Machado, A., & Bianchetti, L. (2011). (Des)fetichização do produtivismo acadêmico: Desafios para o trabalhador-pesquisador. Revista de Administração de Empresas, 5(3), 244-54.

Magalhães, M. C. C., & Fidalgo, S. S. (2010). Critical collaborative research: Focus on the meaning of collaboration and on mediational tools. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, 10(3), 773-97.

Magalhães, M. C. C., Liberali, F. C., & Lessa, A. (2006). A formação crítica: Bases teórico-metodológicas. In S. S. Fidalgo & F. C. Liberali (Orgs.), Ação cidadã: Por uma formação crítico inclusiva. Unier.

Oliveira, A. P. D. F. (2011). A colaboração crítica na compreensão e transformação do ensino-aprendizagem de inglês: Atividade de formação de professor, (Dissertação de Mestrado). Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Rosa, A. (2008). “Nós e os índices”: Um outro olhar sobre a pressão institucional por publicação. Revista de Administração de Empresas, 48(4), 108-14.

Silva, A. O. (2010). Reflexões sobre a ideologia produtivista a partir da leitura de “Trabalho intensificado nas federais: pós-graduação e produtivismo acadêmico”. Revista Espaço Acadêmico, 10(109), 139-47.

Vygotsky, L. S. (1998 [1930]). A formação social da mente. Editora Martins Fontes.

Downloads

Publicado

18-09-2022

Como Citar

Nascimento, G. S. X., Roque, M. de A., & Souza, D. R. de. (2022). Por um Exercício de Aprendizagem Colaborativa entre Pares: Da Potência Dialógica às Reflexões Produtivas no Contexto das Aulas na Pós-Graduação. Revista Letra Magna, 18(30). Recuperado de https://ojs.ifsp.edu.br/index.php/magna/article/view/2151