Editorial

Palavras-chave: Teoria da complexidade, Educação indígena, Ensino de línguas, Pandemia do Covid-19, TICs e Educação, Racismo, Arte e estetização, Decolonialidade, Letramento acadêmico, Educação de jovens e adultos

Resumo

É com imensa satisfação que entregamos o volume 18 da Revista Letra Magna (RLM). Ao atingir a maioridade em seus dezoito anos de existência, nosso periódico certamente contribuiu com qualidade para a divulgação científica em nossa área de conhecimento, graças ao esforço e trabalho do seu fundador e editor até aqui, o Dr. Artarxerxes Tiago Tácito Modesto, bem como seus colaboradores, a quem dedicamos este volume. A partir desse momento, a revista inicia uma nova fase no portal de periódicos no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo. Porém, com o compromisso de perseguir a meta inicial, a saber, servir como veículo de divulgação de uma ciência aberta e de acesso livre a todos aqueles que pesquisam o fenômeno da Linguagem em seu escopo interdisciplinar e socialmente orientado.

Neste número, nosso leitor encontrará artigos variados sob a temática geral proposta. Encontrará textos de campos do saber diversos redigidos em português brasileiro, em inglês e em espanhol de autores do Brasil, do Paraguay e da Itália. Terá a oportunidade de ler textos que tratam de temas relacionados à Teoria da complexidade, Educação indígena, Ensino de línguas, Pandemia do Covid-19, TICs e sua relação com a educação, Racismo, Arte e estetização, Decolonialidade, Letramento acadêmico e Educação de jovens e adultos. Todos os artigos guardam relação direta ou indireta com questões discursivas e emancipatórias.

Nosso desejo é que o material que ora disponibilizamos contribua para o avanço dos Estudos de Linguagem em tempos tão sombrios e de tanta perplexidade!

Mwen swete ou yon lekti ekselan!

Referências

-
Publicado
2022-06-13