MODOS OUTROS DE EXPRESSÃO DOS CÁLCULOS DIFERENCIAL E INTEGRAL NOS RASTROS DE EUDOXO E ARQUIMEDES

  • Diego de Matos Gondim Universidade Estadual Paulista "Júlio Mesquita Filho" - campus Rio Claro

Resumo

Neste artigo, pretendo apresentar modos outros de expressão dos Cálculos Diferencial e Integral tomando como referência as formas como Eudoxo e Arquimedes compreendiam os infinitésimos e de como essas formas podem ser pensadas como fundantes no que hoje se entende por Cálculo Diferencial e Integral. Para tanto, apresento os processos históricos pelos quais a sociedade foi atravessada do Renascimento à Ciência Moderna. Esta concisa apresentação vislumbra criar um território de desenvolvimento das ciências, sobretudo a Matemática e suas produções nos Cálculos Diferencial e Integral. Por fim, concluo este trabalho apresentando algumas justificativas de potencialidade e limitações do uso da História da Matemática como recurso didático para o ensino de Matemática, tomando em conta os rastros de expressões dos Cálculos Diferencial e Integral de Eudoxo e Arquimedes aqui apresentado. 

Biografia do Autor

Diego de Matos Gondim, Universidade Estadual Paulista "Júlio Mesquita Filho" - campus Rio Claro
Aluno do Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática da Unesp - Rio Claro

Referências

AABOE, A. Episódios da história antiga da matemática. Rio de Janeiro: SBM, 2013.

BAGNI, G. T. Difficulties with series in history and in the classroom. In: History in mathematics education: the ICMI study. Dordrecht: Kluwer Academic Publishers, 2002. p. 82-86.

BARBIN, E. et al. Integrating history: research perspectives. In: History in mathematics education: the ICMI study. Dordrecht: Kluwer Academic Publishers, 2002. p. 63-70.

BARONI, R. L. S.; BIANCHI, M. I. Z. (Org.). História da matemática em livros didáticos. Rio Claro: SBHMat, 2007.

BOYER, C. História da matemática. Tradução de Elza F. Gomide, São Paulo: Edgard Blücher; EDUSP, 1974.

BROLEZZI, A. C. A tensão entre o discreto e o contínuo na história da matemática e no ensino de matemática. 1996. 95 f. Tese (Doutorado em Educação)–Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 1996.

BROLEZZI, A. C. Raízes do cálculo na Grécia Antiga. Revista Pesquisa e Pós-Graduação, Ouro Preto, ano 1, v. 1, n. 1, p. 38-41, jan./jun. 1999.

DEMATTÊ, A. A questionnaire for discussing the “strong” role of the history of mathematics in the classroom. In: INTERNATIONAL STUDY GROUP ON THE RELATIONS BETWEEN THE HISTORY AND PEDAGOGY OF MATHEMATICS & FOURTH EUROPEAN SUMMER UNIVERSITY HISTORY AND EPISTEMOLOGY IN MATHEMATICS EDUCATION, 4., 2004, Uppsala. Anais... Disponível em: <https://www.researchgate.net/publication/271215291>. Acesso em: 22 abr. 2014.

EVES, H. Introdução à história da matemática. Tradução de Hygino H. Domingues. Campinas, SP: Ed. da UNICAMP, 2011.

FAUVEL, J.; MAANEN, J. V. History in mathematics education: the ICMI study. Dordrecht. Kluwer Academic Publishers, 2002.

Embora

GONDIM, D. M. A história da matemática como recurso didático para o ensino de cálculo diferencial e integral. 2014. 82f. Trabalho de Conclusão de Curso–Instituto Federal de Minas Gerais, São João Evangelista, 2014.

GONDIM, D. M.; SAPUNARU, R. A. Os atores (des)conhecidos dos cálculos. Porto Alegre, RS: Fi, 2016.

GOTTLIEB, A. O sonho da razão: uma história da filosofia ocidental da Grécia ao Renascimento. Rio de Janeiro: DIFEL, 2007.

MIGUEL, A. Três estudos sobre a história e educação matemática. 1993. 361f. Tese (Doutorado em Educação)–Faculdade de Educação, Universidade Estadual de Campinas, Campinas, 1993. Disponível em: <http://www.bibliotecadigital.unicamp.br/document/?code=vtls000069861>. Acesso em: 22 abr. 2014.

MIGUEL, A. As potencialidades da história da matemática em questão: argumentos reforçadores e questionadores. Revista de Educação Matemática: Zetetiké, Campinas, v. 5 n. 8, p. 73-89, jul./dez., 1997.

MOREY, B. Fontes históricas nas salas de aula de matemática: o que dizem os estudos internacionais. Revista Brasileira de História da Matemática, v. 13, n. 26, p. 73-83, abr. 2013. Disponível em: <http://www.rbhm.org.br/vo13-no26.html>. Acesso em: 10 mar. 2014.

PEDROSO, H. A. História da matemática. São Paulo: [s.l.], 2009.

Publicado
2017-12-31
Seção
Comunicações Científicas