Os Teoremas de Pappus para os Sólidos de Revolução

A demonstração de James Gregory

  • Robson Raulino Rautenberg Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC)
  • Roy Wilhelm Probst Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Resumo

Este artigo apresenta, como resultado de uma pesquisa realizada durante a elaboração da dissertação de mestrado, a partir de teoremas encontrados na publicação Geometriae Pars Universalis (1668), pela primeira vez em Português, a prova dos teoremas de Pappus para os sólidos de revolução.Tal publicação, que foi traduzida para o Inglês por Andrew Leahy em 2009, foi escrita originalmente em Latim pelo matemático escocês James Gregory (1638-1675) e antecede o desenvolvimento do Cálculo.

Biografia do Autor

Robson Raulino Rautenberg, Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC)

Mestre Profissional em Matemática pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR). Docente do Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Gaspar, Santa Catarina, Brasil. E-mail: robson.rautenberg@ifsc.edu.br.

Roy Wilhelm Probst, Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Doutor em Matemática Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Docente da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), Curitiba, Paraná, Brasil. E-mail: rwprobst@gmail.com.

Publicado
2019-12-30
Seção
Artigos