VIAGENS TÉCNICAS PARA FORMAÇÃO DE GESTORES DE TURISMO

  • Erika Sayuri Koga Di Nápoli IFSP - Campus São Paulo

Resumo

O objetivo deste artigo é analisar as viagens técnicas como método de ensino fundamental para a formação de alunos de Turismo, com o objetivo específico de relatar as vivências relacionadas com viagens à região do Vale do Ribeira, realizadas no âmbito do Curso de Tecnologia em Gestão de Turismo, do Instituto Federal de São Paulo – Câmpus São Paulo. A viagem técnica compõe atividade prática do Projeto Pedagógico do Curso (PPC) e tem como propósito verificar o manejo da visitação em Unidades de Conservação e avaliar alguns desafios da sustentabilidade. Para tanto, os alunos realizam observação in loco, levantamento de dados e aplicação de entrevistas com pessoas envolvidas na gestão. A partir de pesquisa quantitativa realizada com os alunos participantes de seis versões da viagem técnica em questão, constatou-se que as práticas vivenciadas, atreladas com pesquisa de campo e estudo dirigido pela professora, obtem-se resultados que incluem a aquisição de novos conhecimentos, mudanças de atitudes e comportamentos, e sobretudo, transformação dos alunos em futuros gestores de Turismo conscientes em relação ao turismo sustentável.

Biografia do Autor

Erika Sayuri Koga Di Nápoli, IFSP - Campus São Paulo

Departamento de Informática e Turismo

Curso de Tecnologia em Gestão de Turismo

Campus São Paulo

Publicado
2021-04-30