Caruncho (Sithophilus sp.) como veiculador de micro-organismos patogênicos no arroz e no milho.

  • Juliana Midori Tada Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão
  • Caroline Peters Pigatto De Nardi Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Resumo

Dentre as principais causas de perdas pós-colheita de grãos está o ataque de pragas como o caruncho. Uma das consequências é a deterioração do produto, pois, provavelmente, o caruncho funciona como um vetor de fungos patogênicos aos grãos. O Aspergillus flavus é um fungo contaminante importante que produz micotoxinas, como a aflatoxina, que são prejudiciais à saúde da população humana e animal. Mesmo após o processamento dos grãos, as micotoxinas continuam presentes, podendo levar ao surgimento de câncer devido à ingestão da aflatoxina produzida pelo fungo. O objetivo deste estudo foi relacionar o caruncho como veiculador do fungo produtor de micotoxinas em grãos armazenados de arroz e milho. Amostras de carunchos presentes em arroz e milho foram cultivadas em ágar Czapeck e PDA adicionado de cloranfenicol por 6 dias a 27 ºC. Foi possível isolar e identificar o Aspergillus flavus nas amostras, determinando a importância do caruncho como um possível veiculador deste fungo na produção de grãos. Portanto, o combate ao caruncho na produção de grãos é fundamental para evitar a dispersão de fungos e produção de micotoxinas.

Biografia do Autor

Juliana Midori Tada, Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Discente do curso Tecnologia em Alimentos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Caroline Peters Pigatto De Nardi, Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Docente da área de Alimentos do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Publicado
2021-12-22