Estratégias para o ensino de Ciências no PIBID: conexão entre Matemática e Química como alternativa de ensino-aprendizagem

  • Angela Dozono Yokoo Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão
  • Gabrielly Fogaça de Oliveira Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão
  • João Carlos Mota Escola Estadual "José Inocêncio", Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
  • Alexandra Filipak Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão
  • Patrícia Olsen de Souza Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Resumo

Este relato de experiência apresenta a vivência de alunos bolsistas do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) financiado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior (CAPES) e executado pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão, evidenciando um dos trabalhos desenvolvidos em uma Escola Estadual localizada no município de Matão, interior do Estado de São Paulo. A partir de um breve período de observação e diagnóstico da realidade escolar vivenciada durante o segundo semestre de 2018, foi possível constatar dificuldades dos alunos do Ensino Médio em relação aos conhecimentos de Matemática básica que são utilizados na disciplina de Química. Diante desse diagnóstico foi elaborada uma proposta de monitoria em Matemática direcionada para o ensino de Química aos alunos do Ensino Médio, para o período escolar de 2019. Como resultados, constatou-se que a monitoria se apresentou como uma ferramenta importante para o ensino de Matemática e de Química, reduzindo as dificuldades de aprendizagem dos estudantes observadas nesse espaço escolar.

Biografia do Autor

Angela Dozono Yokoo, Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Discente no curso de Licenciatura em Química do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão.

Gabrielly Fogaça de Oliveira, Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Discente no curso de Licenciatura em Química do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão.

João Carlos Mota, Escola Estadual "José Inocêncio", Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Docente na Escola Estadual José Inocêncio em Matão. Licenciado em Química pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.

Alexandra Filipak, Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Docente do IFSP Matão, Pedagoga e Doutora em Ciências Sociais alexandra.filipak@ifsp.edu.br

Patrícia Olsen de Souza, Instituto Federal de São Paulo (IFSP), Câmpus Matão

Docente do IFSP Matão, Graduada em Ciências Sociais, Mestre e Doutora em Sociologia pela Universidade Estadual Paulista - Faculdade de Ciências e Letras, Araraquara, UNESP, Brasil.

Publicado
2021-06-23
Seção
Relatos